JPMotos
Preso em Araripe acusado de matar homem que não quis casar com sua filha em Exu
29 de novembro de 2018 às 15:20
71
Visualizações

Uma operação conjunta reunindo policiais militares do Ceará e Pernambuco, apos levantamento feito pelo Serviço de Inteligência do 2°BPM, resultou na prisão de um homem acusado de homicídio no Exu (PE). O agricultor Francisco Salu de Souza, de 63 anos, é condenado a 14 anos de prisão e considerado foragido da justiça pernambucana. Os PMs descobriram o paradeiro do mesmo que estava refugiado na casa de parentes na zona rural de Araripe na região do Cariri.

Após alguns dias de monitoramento os policiais prenderam o agricultor na tarde desta quarta-feira. Contra ele existe um Mandado de Prisão em aberto, desde março de 2016, expedido pelo Juiz Rodrigo Fonseca Lins da Comarca de Exu (PE). A decisão judicial se dá no sentido de o mesmo cumprir a pena decorrente da Ação Penal de Competência do Juri por homicídio triplamente qualificado quando foi julgado à revelia.

Segundo os autos do processo, Salu matou a tiros Juzimar de Souza no dia 29 de maio de 1998 no Sítio Mosquito na zona rural daquele município pernambucano. O acusado queria que a vítima casasse com sua filha e como Juzimar se recusou terminou assassinado. O autor do crime ainda ficou preso quatro meses, no ano de 2005, quando ganhou o direito de responder em liberdade e desapareceu. Ontem, Salu foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Exu e já está recolhido à cadeia à disposição da justiça.

Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

ComentáriosComentários