JPMotos
Radialista do Cariri morre em hospital de Brejo Santo após ser atacado por abelhas
26 de junho de 2017 às 11:09
58
Visualizações

O radialista e funcionário público José Bezerra Lucena, de 59 anos, morreu por volta das 19 horas deste domingo em um dos leitos do Hospital Geral de Brejo Santo. Ele residia na Rua Sinézio Gomes, 44 (Bairro Renê Lucena) naquele município e se encontrava no Sítio Barreiro Branco, onde foi atacado por abelhas italianas. “Zé de Juarez” apresentava o programa “A Hora da Saudade”, das 6 às 8 horas aos sábados, na Rádio Padre Pedro FM (104,9) de Brejo Santo e trabalhava ainda na Sociedade Anônima de Água e Esgoto de Brejo Santo (SAAEBS).

Ele foi socorrido por familiares ao hospital logo após o ataque, mas morreu cerca de uma hora e meia depois em virtude do agravamento no seu quadro clínico motivado pelas picadas das abelhas. Nesta segunda-feira está completando exatamente um ano do último caso de morte por conta de animal peçonhento vitimando um aposentado no dia 26 de junho de 2016 no município de Várzea Alegre. Da mesma forma, a vítima terminou socorrida ao hospital após o ataque, mas não resistiu.

Um levantamento aponta que, no decorrer de 2015, foram registrados 247 casos de ataques de animais peçonhentos na Região Metropolitana do Cariri (RMC), sendo o maior número em Barbalha, cujo município também liderou as ocorrências no ano passado com algo em torno de 60% do total. Dentre esses animais estão abelhas, aranhas, escorpiões e cobras e os dois últimos são os principais responsáveis pela maioria dos acidentes registrados na região.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

ComentáriosComentários