JPMotos
Em Juazeiro do Norte: Vereador denuncia irregularidades no transporte escolar, mas requerimento é derrubado
29 de novembro de 2017 às 06:48

O vereador Márcio Joias (PDT) fez denúncia sobre o Transporte Escolar de Juazeiro do Norte. O parlamentar, que é da base do prefeito Arnon Bezerra (PTB), fez requerimento verbal na sessão desta terça-feira (28) e solicitou que o município faça uma nova licitação para o serviço.

De acordo com Márcio, os veículos não atendem ao que consta na licitação, como veículos com até 10 anos de uso e também sem itens de segurança, como cinto de segurança.

O certame foi realizado na gestão do então prefeito Raimundo Macedo (PMDB), em 18 de janeiro de 2015, e aditivada já nesta gestão em fevereiro de 2017. O valor anual do serviço, segundo o vereador Márcio, é de aproximadamente R$ 4 milhões de reais.

O denunciante afirmou, durante o requerimento que a sua preocupação é com a segurança das crianças e que está fazendo o seu papel que é fiscalizar. Ele pediu que a documentação fosse encaminhada para o Polícia Federal, Ministério Público Federal (MPF), Controladoria-Geral da União (CGU) e Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Assista ao vídeo

Já o vereador Darlan Lobo (PMDB), que já foi líder do governo Arnon na Câmara, pediu que o requerimento fosse para destaque [dispositivo que o vereador pode utilizar para que algum requerimento vá para a apreciação do plenário].

De acordo com Darlan, não há motivo para enviar  assunto para o MPF. Segundo o peemedebista não há denúncia de fraude na licitação nem desvio de conduta. Darlan sugeriu que fizesse uma comissão na Câmara para analisar os fatos.

O requerimento foi para votação e a maioria decidiu em derrubar a solicitação do vereador Márcio Joias. 10 parlamentares foram contrários ao pedido enquanto apenas cinco acompanharam o denunciante.

Após a votação, Márcio Joias se retirou da sessão afirmando que estava indo ao MP protocolar a denúncia. Saiba como se deu a discussão sobre o tema e como os vereadores votaram.

Assista ao vídeo

Por João Boaventura Neto
Com Parceria Site Miséria.com.br

101 total views, 2 views today

ComentáriosComentários